segunda-feira, 15 de março de 2010

fragmento [labirinto]









2 comentários:

Por que você faz poema? disse...

Dentro de nós não há respostas, caminhos, mapas. Só o acaso.

Nilson disse...

Labirinto de fato: um senhor poema, Karina! Pra pensar e pra sentir!!!