segunda-feira, 8 de junho de 2009

poema em exposição








enfeitei o poeminha com a balaustrada
e derramei, por detrás, o mar.
















guardei tudo num pote
pra todo dia eu olhar

















agora ele está em exposição:
doce de santo

e meu doce é vida poesia mar.
















doce viver no mar...


poema "da vida"_karina rabinovitz
exposição_doce de santo
coletivo de artistas
curadoria_luiz cláudio campos e josé henrique barreto
na galeria acbeu, corredor da vitória, salvador
até 20/junho

8 comentários:

Camila disse...

Que massa! Adorei!

Sucesso na exposição, minha linda!

Beijooos.

Marlon Marcos disse...

Querida,

Isso aqui traduz sua delicadeza... Adorei como Camila. Cada dia mais lindo e eu venho roubar poemas e sonhar!!! Amor.

Tulio Malaspina disse...

Karina!! suas adaptações sempre são de muito bom gosto... os doces me parecem ser feitos com muito amor, receita de avó!

Katia Borges disse...

Bacana, suas experiências com poesia são muito criativas, sensíveis e líricas. BJ

Anônimo disse...

Chica: sabes, me gusta llegar acá y encontrar siempre la poesia tan viva... yo no sé si la ciudad es poesia, pero sí, sé que tu poesia es la ciudad... me encataron estos y aunque no me habias invitado, voy a ir a ver la muestra en la galeria... saludos! tu vecina M.

edmar pita disse...

gostei das tuas poesias aceita parceria entre meu blog e o seu?

Edu O. disse...

que coisa linda! vc a derramar o mar.

anjobaldio disse...

Ôi Karina, também tô nesta expo. Grande abraço.